20 de abr de 2013

Homens: Ouçam e obedeçam a voz de Deus!




Desde o início da criação Deus delegou aos homens a responsabilidade de cultivar e guardar o que em suas mãos foi confiado. A narrativa bíblica diz: “E tomou o SENHOR Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.” (Genesis 2:15 ).  Foi Deus quem estabeleceu ao homem a responsabilidade de lavrar e guardar, e, assim o foi, antes da Queda. Ou seja, o pecado inexistia na natureza humana, bem como toda a criação ainda não havia sofrido as consequências da rebelião do primeiro homem.
Ponderar esses fatos históricos é de valor incomensurável para nós homens cristãos do século XXI. O nosso tempo não é o mesmo de Adão, todavia a nossa tarefa é a mesma, lavrar e guardar. No início de sua existência, Adão viveu num mundo perfeito, numa ordem perfeita, o pecado não havia, muito menos a sua influência, porém, o cerne da questão não está no pecado que Adão cometeu, mas no fato de que este primeiro homem, que ainda não conhecera o pecado e ainda não vivera a Queda, deixou de ouvir a voz de Deus, seus desígnios e voltou-se para a voz da Serpente, fazendo o que ela estabelecera e o resultado é conhecido por todos nós.
A primeira tragédia que um homem comete não consiste em deixar de cumprir a sua responsabilidade, mas sim em deixar de ouvir a voz do seu Criador. Quando não ouvimos a voz do Deus Criador, começamos a naufragar no lamaçal de pecados. O homem que não ouve a voz Deus, ouvirá a voz do mundo e do seu coração que é precipitado para o mal. Ouvirá a voz da sociedade e seus meios de comunicação que cada vez mais desprezam a voz de Deus.
A segunda tragédia se vê dia a dia em famílias marcadas pelos pecados do homem. Homens que tem levado seu casamento a ruína, homens que ao invés de cultivar e guardar o coração e a vida de sua esposa e filhos, o tem humilhado e machucado. Quantos filhos olham para o seu pai, e, ao invés, de ter nele um herói, tem um péssimo exemplo a ser seguido? Quantas mulheres tem sofrido silenciosamente?
O conserto para todos os casos reside no fato do homem voltar ou começar a ouvir o que Deus diz. Precisamos ouvir e obedecer. Precisamos ouvir e ser exemplo para nossa esposa e filhos. O livro de Deuteronômio 6 registra: ” 4 Ouve, Israel, o SENHOR nosso Deus é o único SENHOR.  5 Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças.  6 E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração;…” (Dt 6:4-6 ).
Homens a nossa responsabilidade é intransferível. Deus concedeu a nós esse dever. Porém, para que o façamos, necessitamos ouvir a voz de Deus. Necessitamos rejeitar as vozes deste mundo. Somos criaturas que anelam em ouvir a segura e doce voz de Deus. Voz que dá identidade, voz que dá sentido a vida, voz que dá esperança mesmo neste mundo caído. Voz que nos dá a certeza que em Cristo Jesus somos capacitados para cumprir a nossa missão de lavrar e guardar tudo que Deus confiou em nossas mãos.
Homem ouça e obedeça a voz de Deus. Não se acomode em viver segundo as vozes deste mundo, mas seja destemido e audacioso em ouvir a voz do Deus que te criou e te sustenta. Assuma a sua responsabilidade de cultivar e guardar tudo quanto Deus confiou em suas mãos. Lembre-se: tudo que Deus lhe confiou inicia por sua família, por sua esposa e seus filhos. Do que adianta ser um profissional de sucesso e fracassar no seu lar? Do que adiantar ser bem visto pelas pessoas e rejeitado por sua esposa e filhos? Do que adianta ganhar o mundo e perder a sua família? Afinal, lhe pergunto: aonde estava Adão quando Eva fora tentada pela Serpente?
Juntos Somos Mais, 
Pr. Rodrigo Odney

12 de fev de 2013

E não o perceberam!

Mateus 24:36-42 
36 Mas a respeito daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão o Pai. 37 Pois assim como foi nos dias de Noé, também será a vinda do Filho do Homem. 38 Porquanto, assim como nos dias anteriores ao dilúvio comiam e bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca, 39 e não o perceberam, senão quando veio o dilúvio e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do Homem. 40 Então, dois estarão no campo, um será tomado, e deixado o outro; 41 duas estarão trabalhando num moinho, uma será tomada, e deixada a outra. 42 Portanto, vigiai, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor.

8 de fev de 2013

"SODOMA E GOMORRA REVIVERAM"

"SODOMA E GOMORRA REVIVERAM"
Pr. Antonio Mendes

Não seria a homossexualidade o pecado que esgota a paciência de Deus?

Não seria a festa carnavalesca a principal porta de entrada para a propagação do homossexualismo?

Desde que me conheço por gente já se via homens se vestindo de mulheres e saindo pelas ruas. A coisa ganhou corpo de um certa forma que chegamos aonde chegamos.

Aliás, o Carnaval sempre foi a porta de entrada para todo tipo promiscuo de vida. Sexo, estupro, Aids , pedofilia, crime, drogas, assassinatos, bebidas, etc.

Vejamos as evidencias do pecado que Deus não suportou.

PRIMEIRO: O clamor do povo levou Deus a derramar sua ira sobre as cidades.

Gênesis 18:20
Disse mais o SENHOR: Com efeito, o clamor de Sodoma e Gomorra tem-se multiplicado, e o seu pecado se tem agravado muito.
Gênesis 19:13
pois vamos destruir este lugar, porque o seu clamor se tem aumentado, chegando até à presença do SENHOR; e o SENHOR nos enviou a destruí-lo.

Neste ponto fica muito claro que:
O pecado tem se agravado.
O pecado tem se multiplicado.
Como consequência Deus decidiu destruir Sodoma e Gomorra.

SEGUNDO: Existia a possibilidade das cidades não serem destruídas, caso houvesse uma representação de justos nelas.

Gênesis 18:22-33
Neste texto Abraão começa u, diálogo com Deus procurando convencê-lo para que não destruir a cidade e dar o mesmo tratamento ao justo e ao ímpio. (23)
Deus concorda com Abraão em não castigar o justo com o ímpio e aí começa a busca dos JUSTOS para fazer com que eles não sejam castigados e, com a presença deles, os ímpios também não seriam castigados.
Tem 50 justos? Não!
Tem 45 justos? Não!
Tem 40 justos? Não!
Tem 30 justos? Não!
Tem 20 justos? Não!
Tem 10 justos? Não!
Para refletir: O papel da igreja hoje é truncar a ação do inimigo com a sua presença, a presença dos justos de certa forma abençoando e protegendo os ímpios. (Pouparei a cidade por amor aos ímpios. V.26).

TERCEIRO: A perversão superou a longanimidade santa de Deus.

A REALIDADE DE SODOMA E GOMORRA.
Gênesis 19:4-5
Mas, antes que se deitassem, os homens daquela cidade cercaram a casa, os homens de Sodoma, tanto os moços como os velhos, sim, todo o povo de todos os lados; e chamaram por Ló e lhe disseram:Onde estão os homens que, à noitinha, entraram em tua casa? Traze-os fora a nós para que abusemos deles.

O PECADO DA HOMOSSEXUALIDADE É EVIDENTE:
Traze-os fora a nós para que abusemos deles.
Tanto era sexual que Ló oferece suas filhas. V.8

A REALIDADE DO BRASIL
O Estatuto da Diversidade Sexual e seus objetivos:
1.Criminalizar a homofobia (At 1)
2.Assegurar o casamento homoafetivo (At 14)
3.Proibir tratamento e até mesmo promessa de cura a não-heterossexuais (At 53)
4.Assegurar oportunidade de trabalho para os beneficentes do Estatuto (At 73 parágrafo único)
5.Adotar políticas públicas em nível nacional, estadual e municipal visando a conscientizar a sociedade da igual dignidade dos heterossexuais, homossexuais, lésbicas, bissexuais, transexuais, travestis, transgêneros e intersexuais (At 105).

Evidencias bíblicas contra a homossexualidade
Levítico 18:22
Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; é abominação (Repugnante)

Levítico 20:13
Se também um homem se deitar com outro homem, como se fosse mulher, ambos praticaram coisa abominável; serão mortos; o seu sangue cairá sobre eles.

1 Coríntios 6:9
Ou não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas, nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus.

QUARTO: A misericórdia é para quem obedece e crê na mensagem da Palavra de Deus. (Gn 19.12-19).

A misericórdia busca aqueles que a querem (V. 12-14)

Gênesis 19:12-14
Então, disseram os homens a Ló: Tens aqui alguém mais dos teus? Genro, e teus filhos, e tuas filhas, todos quantos tens na cidade, faze- os sair deste lugar; pois vamos destruir este lugar, porque o seu clamor se tem aumentado, chegando até à presença do SENHOR; e o SENHOR nos enviou a destruí- lo. Então, saiu Ló e falou a seus genros, aos que estavam para casar com suas filhas e disse:Levantai- vos, saí deste lugar, porque o SENHOR há de destruir a cidade. Acharam, porém, que ele gracejava com eles.

2. A misericórdia os livraram da morte (V. 15-16)

Gênesis 19:15-16
Ao amanhecer, apertaram os anjos com Ló, dizendo:Levanta- te, toma tua mulher e tuas duas filhas, que aqui se encontram, para que não pereças no castigo da cidade. Como, porém, se demorasse, pegaram- no os homens pela mão, a ele, a sua mulher e as duas filhas, sendo- lhe o SENHOR misericordioso, e o tiraram, e o puseram fora da cidade.

3. A misericórdia exige obediência (17, 26)

Gênesis 19:17
Havendo- os levado fora, disse um deles:Livra- te, salva a tua vida; não olhes para trás, nem pares em toda a campina; foge para o monte, para que não pereças.
Gênesis 19:26
E a mulher de Ló olhou para trás e converteu- se numa estátua de sal.

Para refletir:

Deus não deixa pecado sem castigo. Cedo ou tarde ele vem.
O pecado da homossexualidade é a gota que estava faltando para transbordar o cálice da ira divina.
Não estaríamos caminhando a passos largos para o fim com a diversidade sexual?
Não estaria a igreja deixando de ser luz e sal nas horas mais criticas?
Onde estão os justos para truncar as investidas do inimigo?